top of page

High School nos Estados Unidos: Entenda as diferenças entre programas J-1 e F-1!



O High School nos Estados Unidos é um dos programas mais procurados quando o assunto é intercâmbio!


Mas quais são as diferenças entre os programas J-1 e F-1 de High School para estudantes internacionais, e como entender qual o ideal para você?


Ambos os programas são experiências maravilhosas de mudança de vida, mas existem algumas diferenças importantes que vamos esclarecer aqui para vocês:


Programa High School em escola Pública J-1


Neste programa as famílias americanas que recebem os estudantes brasileiros, são famílias voluntárias e não recebem nenhum incentivo financeiro pela hospedagem. E é por esse motivo que o estudante não escolhe a família, a escola e consequentemente a cidade onde irá em seu intercâmbio.


Sobre a escola: neste programa as instituições de ensino são públicas e não cobram do estrangeiro. Este programa de intercâmbio precisa ser feito através de uma organização dos Estados Unidos que possua autorização do departamento de estado americano para funcionar e autorização para a emissão o documento do visto DS2019 uma vez que as vagas são numeradas e limitadas.


Muito importante: O application do aluno fica disponível para todas as famílias cadastradas no programa e o direito de escolha é da família hospedeira. A escola será uma consequência do lugar onde a família reside: a definição da escola é feita através do código postal do endereço de sua família hospedeira, o CEP é a única informação levada em consideração para definir sua escola e esse critério segue uma lei federal dos Estados Unidos.


Levando em consideração o ano escolar nos EUA começa em agosto de um ano e termina em junho do ano seguinte, o estudante que embarca em agosto pode ir para um semestre e optar posteriormente pela prorrogação para mais um semestre ou pode optar desde o início por um ano letivo. Já o estudante que embarca em janeiro, pode ficar apenas um semestre letivo, sem direito a prorrogação. Ou seja, o máximo de tempo que um estudante pode ficar no programa de High School J-1 é um ano letivo. Pela lei americana, um estudante estrangeiro não pode fazer mais de um ano letivo em escola pública com o mesmo tipo de visto.


O estudante que opta pelo J-1 não pode ser repetente e nem reclassificado na escola brasileira, precisa manter a frequência escolar até o dia do seu embarque para os Estados Unidos e ter nível de conhecimento intermediário do inglês pois não é permitido ao estudante deste programa fazer aulas de inglês para estrangeiros, mesmo que este curso esteja disponível em sua escola.

Um estudante com visto J-1 não pode morar com parentes ou família natural, a colocação deve ser em uma família legalmente cadastrada pelo programa. Existe também a exigência do seguro-saúde que deve seguir as regras do Departamento de Estado Americano.


A pergunta mais frequente neste tipo de programa é: quanto tempo vou demorar para saber quem será minha família hospedeira e onde vou morar nos EUA? A resposta para esta pergunta não é exata. A coisa mais importante num programa J-1 é a aceitação pela organização americana. A partir daí é que a documentação fica disponível para as famílias cadastradas no programa. A colocação pode ser feita um semana depois que o estudante é aceito, como pode ser feita faltando poucos dias para embarque. O tempo de colocação depende muito mais do perfil dos estudantes do que das famílias.



High School em escola privada F-1


Um programa que vem crescendo a cada ano é o high school público pago e o high school particular nos EUA (visto F-1). O motivo desta crescente procura está relacionado ao fato de o estudante poder escolher o distrito escolar e ou escola e pode ficar mais que um ano letivo no programa e também é uma opção para quem pretende cursar universidade nos EUA.


Este é um programa em que as famílias recebem ajuda financeira pela hospedagem e as escolas podem ser públicas, porém pagas pelo estrangeiro, ou particulares. Se a escola for pública, o estudante escolhe o distrito e um distrito pode ter várias escolas. Se a escola for particular, o estudante escolhe a escola em si.


Seguindo a legislação americana, o máximo de tempo que o estudante pode ficar neste programa em escola pública, mesmo sendo paga é de um ano letivo. Algumas escolas permitem que o estudante faça o intercâmbio por um ano, mesmo com início em janeiro e neste caso o estudante volta para o Brasil nos meses de férias, embarca novamente para reinício das aulas no do segundo semestre, (neste caso comprando o programa de 1 semestre 2 vezes).

Cada escola ou distrito possui um valor diferente de investimento e precisa ter uma autorização para emissão do documento denominado I-20. Se for uma escola pública paga, obrigatoriamente a acomodação tem que ser em casa de família. É permitido morar com parentes e amigos, mesmo que brasileiros desde que vivam legalmente nos Estados Unidos. Se a escola for particular, existe a possibilidade de morar com família hospedeira ou no alojamento da própria escola (no caso das escolas boardings).


E agora, qual escolher?


Primeiro de tudo, é muito importante saber que um programa de high School não se escolhe por preço. Este pode ser o maior erro que você pode cometer. Os preços diferentes entre agências tem a ver com o valor do programa no exterior e os itens adicionados a cada pacote e a forma de venda. E, no final, o que faz mesmo a diferença neste programa é a preparação dada ao estudante pela agência brasileira, a experiência e comprometimento da organização americana em realizar o programa.


E o que isso quer dizer? Que a experiência da agência e o comprometimento da agência americana em realizar o programa é algo que só aparece após embarque. Levando em consideração que 80% dos estudantes do programa precisam da interferência das agências em algum momento do programa, o preço é o menos importante.


Então tenha em mente que você deve escolher aquele programa que mais se adequa com o que você espera do seu intercâmbio!


Ainda está na dúvida? Venha conversar com o seu consultor Dès Vu!

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commenti


Post: Blog2 Post
bottom of page